Blog AVG Signal Desempenho Velocidade Como acelerar e limpar um PC Windows lento
Ultimate_Guide_to_Speeding_Up_and_Cleaning_Up_Your_PCl-Hero

Por que meu computador está tão lento?

Geralmente, o PC fica lento porque não está usando com eficiência os recursos finitos que tem. Há uma quantidade limitada de poder de processamento, memória e espaço de armazenamento disponível, e o importante é acelerar seu computador para otimizar todos eles.

Este artigo contém:

    Se já tiver tentado desligar o PC e reiniciá-lo, e isso não deixou ele mais rápido, pode ser necessária uma abordagem mais ativa. Então, se estiver pensando por que seu PC fica lento com o passar do tempo, provavelmente é por um dos seguintes motivos:

    • Ele está muito quente. O computador ajustará o desempenho para compensar o excesso de calor. Um computador frio é mais rápido.

    • Seus softwares são antigos. Se o Windows ou os drivers estiverem desatualizados, você pode estar perdendo desempenho.

    • Está executando muitas tarefas. Se seu computador estiver executando muitos programas de uma vez, ele não poderá otimizar o desempenho para o que é realmente importante. Muitos programas de inicialização e em segundo plano são geralmente os culpados nesse caso.

    • Falta memória. O PC usa RAM (memória de acesso randômico) para executar todos os programas ativos. Utilizar a RAM ao máximo pode deixar o computador lento.

    • Falta espaço em disco. À medida que o disco fica cheio, o PC tem menos espaço para manter arquivos temporários. E sem espaço suficiente livre, o PC não poderá impedir a fragmentação do disco rígido.

    • Você pegou um malware. Muitos tipos de malware, como vírus e worms, consomem os recursos do PC e deixam ele lento.

    Mas seja qual for a causa da lentidão do seu PC, o AVG TuneUp para PC é o otimizador de desempenho completo que ajudará a colocá-lo de volta em boa forma. Ele não só otimiza a velocidade e o desempenho do PC, como tem limpadores integrados de disco e navegador que liberam muito espaço de armazenamento. Baixe o AVG TuneUp hoje mesmo e tenha uma experiência melhor e mais rápida no seu PC.

    Algumas palavras de alerta (e como se preparar!)

    Algumas dicas e guias se referem a áreas críticas do sistema. Mas, se forem seguidos com atenção, nada de ruim acontecerá. Testamos tudo em vários computadores!

    Apesar disso, se você considerar a Lei de Murphy, faça o backup do sistema. No mínimo, crie um ponto de restauração do sistema. Para fazer isso, abra o Explorador de arquivos, clique com o botão direito em Este PC e selecione Propriedades. A partir daí, clique em Proteção do sistema no canto superior esquerdo e crie um ponto de restauração. Se algo der errado, você poderá retornar a esse ponto e reverter todas as configurações.

    Criar um ponto de restauração no Windows

    Como acelerar seu computador

    Aqui, vamos mostrar como acelerar seu computador com dicas, truques e ajustes completos para otimização de desempenho. De uma atualização de RAM e um overclock de CPU até uma limpeza física completa, as técnicas a seguir oferecem tudo de que você precisa para colocar o computador de volta à melhor forma.

    1. Trabalhe e navegue mais rápido: Atualize a RAM do computador e obtenha um SDD rápido

    Há dois fatores limitantes principais em qualquer PC ou laptop: a RAM e o disco rígido.

    Atualização da RAM

    A primeira limitação é a memória física disponível do seu PC (a RAM) onde o computador mantém os programas em uso. Pense na RAM como memória de curto prazo para seu PC.

    Hoje, 4 GB de RAM devem ser realmente o mínimo para um PC funcionar. Isso se deve, na maioria das vezes, a dois tipos de aplicativos:

    • Aplicativos que consomem muitos recursos, como edição de vídeo, jogos, Photoshop ou programação.

    • Navegadores. Inicie o Google Chrome e carregue até 10 dos sites mais usados: Você provavelmente verá a utilização de RAM disparar para mais de 3 GB. Isso não deixa quase nada para o próprio Windows, para não falar de outros programas.

    O resultado: Sem RAM suficiente, o PC precisa tirar e colocar informações da memória de curto prazo, e o desempenho é prejudicado. Isso gera todos os tempos de carregamento e congelamentos irritantes. Nosso conselho: Aumente a memória se tiver menos de 4 GB de RAM

    Uma imagem de duas placas de RAM

    A menos que use seu computador para games ou trabalhe com arquivos insanamente grandes, 8 GB devem ser suficientes. A RAM está barata hoje em dia, com preços partindo de US$ 30 por um módulo de 4 GB. Se você tiver um laptop, verifique se ele pode ser atualizado (em muitos casos, é difícil ou mesmo impossível atualizar a RAM do laptop).

    Os proprietários de computadores de mesa são um pouco mais sortudos: Abra o gabinete e localize os slots de memória. Verifique as especificações do PC para garantir que o novo módulo de RAM se encaixe (ou peça ajuda de um amigo com conhecimento técnico).

    Atualize para um SSD

    O segundo maior fator limitante é a memória de longo prazo do seu PC: o disco rígido! É aqui que o Windows, seus programas e todos os seus arquivos pessoais são armazenados. Sempre que você carrega ou abre algum programa, por exemplo, Spotify ou suas fotos favoritas, o disco rígido precisa procurar por esses bits e bytes. Depois de transferi-los para a RAM (veja, tudo isso funciona em conjunto).

    Mais de 80% dos PCs ainda têm uma unidade de disco rígido mecânico (HDD). Basicamente, é um prato giratório acessado por um cabeçote de leitura/gravação, como um toca-discos de vinil ou um cabeçote laser de um DVD player. Em comparação com todos os outros componentes de PC que processam dados, essa abordagem mecânica é dolorosamente lenta. A RAM ou a CPU (unidade de processamento central) pode ficar ociosa enquanto o disco ainda está girando.

    Nosso conselho: Se puder, invista em um SSD (unidade de estado sólido). Ele é um sucessor digital do HD, sem peças móveis e acesso instantâneo a todos os bits. Um SSD deve aumentar a velocidade de leitura e gravação em pelo menos 10 vezes. O Windows carregará mais rápido, os arquivos serão abertos instantaneamente e os programas serão executados sem problemas.

    Uma unidade de estado sólido da Samsung

    Embora os preços do SSD ainda sejam um pouco mais altos do que dos discos rígidos mecânicos, você não se arrependerá do investimento. Um SSD de 250 GB pode ser seu por até US$ 100. Mesmo discos mais econômicos darão uma nova vida a um PC antigo. Confie em nós, mas, de novo, veja se o laptop ou PC pode ser atualizado antes de comprar.

    Efeito colateral legal: passar de um disco mecânico para um SSD também resultará em menos consumo de energia e maior duração da bateria de laptops.

    2. Jogar e editar mais rápido: Consiga uma GPU excelente

    Você é um gamer, designer ou editor de vídeo? Nesse caso, a RAM, os discos rígidos e até o processador do PC (a CPU) não são sua principal preocupação. A placa de vídeo é responsável pelo desempenho do PC ao lidar com edição de vídeo e jogos. Se Grand Theft Auto 5, Ark: Survival Evolved ou Dark Souls 3 não estiverem funcionando tão rápido ou com uma aparência tão boa quanto nos trailers, a placa de vídeo é a culpada.

    Em laptops, você está sem sorte, pois as GPU (unidades de processamento de vídeo) são soldadas à placa mãe. Não há nenhuma chance de atualizá-las. PCs de mesa, no entanto, podem ser atualizados facilmente com novas GPUs.

    Duas placas GeForce GTX no chassi do computador

    Se quiser atualizar a GPU, as líderes de mercado, NVIDIA e AMD, têm muitas opções.

    • Jogos e renderização Full HD: com preços a partir de US$ 100–150, o GeForce 1050/1060 series ou Radeon 460/470 series oferecem excelente experiência de jogos em resoluções Full HD (1.920 x 1.080).

    • Jogos de ponta e renderização em 1440p: se quiser jogar em Full HD com as configurações de vídeo em seus jogos completamente maximizadas, ou se estiver jogando em uma tela com resolução WHQD (2.560 x 1.440), então é melhor obter um Radeon 480 ou um GeForce 1070/1080 (na faixa de preço entre US$ 300 e 500).

    • Jogos e renderização ultra-high-end em 4K: Atualmente, 4K é onde as coisas acontecem. Apenas a NVIDIA oferece algo para gamers hardcore que querem jogar em uma fantástica resolução 4.096 x 2.160. As únicas placas capazes de permitir jogos em 4K com uma taxa de quadros suave são a 1080 Ti (a partir de US$ 700), ou a Titan X(p), se você quiser pagar US$ 1.300 para obter absolutamente a melhor placa que existe (mesmo que haja apenas um aumento de apenas 5 a 10% no desempenho).

      Apenas por segurança, gamers com orçamentos generosos devem comprar pelo menos duas unidades do 1080 Ti ou Titan X para jogar qualquer jogo em 60 FPS.

    Captura de tela do game Witcher

    Dica bônus: se você gosta realmente de jogos, temos 9 maneiras de turbinar seu equipamento de jogo. Confira!

    3. Desfragmentação: O que é isso? Isso ainda existe?

    Explicamos acima as diferenças entre o HDD mais lento e os rapidíssimos SSD. Discos mecânicos, além de serem lentos também sofrem de um fenômeno chamado de “fragmentação”. Quanto mais programas e arquivos você usa, copia e move, mais bagunçada fica a unidade e mais o cabeçote de leitura/gravação precisa trabalhar para abrir ou armazenar seus dados.

    A solução: desfragmentar seu disco. Para isso, abra o menu Iniciar, digite Defrag e tecle Enter.

    Procurando pelo app de desfragmentação e otimização de unidades no menu Windows do Windows 10.Clique em Otimizar para iniciar o processo e seja paciente, pois isso levará algum tempo.

    Desfragmentando unidades com a função Otimizar unidades no Windows 10

    4. Otimize a inicialização com a desativação de itens de inicialização no Gerenciador de Tarefas do Windows.

    O PC está demorando muito para inicializar? Ele pode estar carregando muitos programas de que você não precisa. Use o Gerenciador de Tarefas do Windows para examinar a lista de programas que executam automaticamente na inicialização.

    Para percorrer a lista, clique com o botão direito na barra de tarefas do Windows (a barra na parte inferior da sua tela com todos os ícones de apps) e selecione Gerenciador de Tarefas. Acesse Inicializar e examine os itens listados.

    A guia de inicialização do Windows no Gerenciador de Tarefas

    A captura de tela acima mostra pelo menos dois programas que não precisam inicializar sempre junto com o computador: o instalador do navegador Epic e a ferramenta de captura de tela Greenshot. Se precisar deles, basta iniciá-los manualmente. Para impedir que um app seja iniciado automaticamente, clique com o botão direito do mouse e selecione Desativar.

    Esses foram alguns exemplos bem fáceis. E essas entradas que não ficam imediatamente claras, como o NVIDIA Capture Proxy? Nesses casos, o Google pode te ajudar. Basta olhar as entradas online e você encontrará explicações nos fóruns ou sites técnicos. Isso deve ajudar a decidir se você precisa deles ou não.

    Para te ajudar a se livrar de atrasos irritantes na inicialização, reunimos algumas dicas para acelerar a inicialização, além de alguns mitos comuns sobre o tempo de inicialização que você deveria conhecer.

    5. Use um método patenteado para reduzir a lentidão diária

    Muitos programas, como o iTunes ou Photoshop, instalam componentes de software que são executados sempre que seu componentes é ligado, mesmo quando você não os está usando. São eles:

    • Serviços: Fornecem recursos básicos, como manter os produtos atualizados. Por exemplo, o Adobe Reader instala um Adobe Updater que verifica atualizações frequentemente.

    • Tarefas Agendadas: Aplicativos em segundo plano que vêm com o Windows ou outros softwares que você instala. Essas tarefas são usadas, na maioria das vezes, para executar ações em horários específicos ou determinadas situações. Por exemplo, o Dropbox usa uma tarefa agendada no PC que verificar atualizações todos os dias às 17h50.

    • Itens de inicialização: Como mencionamos acima, esses itens são programas adicionais que iniciam sempre que você liga seu PC. Contudo, embora serviços e tarefas agendadas sejam executados sobretudo em segundo plano, itens de inicialização tendem a ser mais visíveis, pois a maioria deles aparece em sua barra de tarefas.

    Há muitos motivos para o PC ficar lento com o tempo, mas esses programas estão entre os mais significativos. Eles colocam muita carga no computador e levam a resultados indesejados.

    • Menos memória fica disponível a processos ativos e seu PC vira uma lesma.

    • A carga elevada causa mais aquecimento e maior consumo de energia. O PC fica mais lento para evitar superaquecimento e a bateria do laptop é gasta mais rapidamente.

    • O Windows prioriza essas tarefas em segundo plano em vez dos programas e das atividades atuais, como o game que você está jogando ou o trabalho que está fazendo.

    Agora que estabelecemos as causas e os efeitos da lentidão típica do PC, o que você pode fazer?

    Bom, você poderia desativar todos os aplicativos de inicialização (o que é muito seguro). Mas para capturar tudo que está nessa lista e retornar o PC ao desempenho de um novo, você precisaria desinstalar programas (mesmo aqueles que você gosta ou precisa). Você precisaria ir fundo no sistema e desativar manualmente serviços, tarefas agendadas e outros e depois reativá-los, caso algo desse errado. Essa não é exatamente a situação ideal.

    Na AVG, resolvemos esse problema com o “Modo de Suspensão”, nossa tecnologia patenteada que detecta os programas que deixam o PC lento e congela todos os componentes que consomem recursos mencionados acima.

    Menu do modo de suspensão no PC TuneUp

    O Modo de suspensão está integrado ao AVG TuneUp e mostra os grandes consumidores de recursos em uma lista simples. Depois, ele permite “colocá-los para dormir”.

    Esse método é legal porque você não precisa desinstalar ou desligar à força o que você pode precisar. Em vez disso, o Modo de Suspensão pausa esses programas para reviver drasticamente seu sistema.

    Agora, a parte crítica: Assim que você inicia um aplicativo, digamos o Google Chrome no exemplo acima, nosso Modo de Suspensão reativa tudo e depois desativa assim que terminar de usá-lo. Use o Modo de Suspensão em quantos aplicativos puder e você notará um aumento de velocidade considerável, especialmente se tiver muitos apps pesados.

    Baixe o AVG TuneUp para PC hoje mesmo e deixe o Modo de Suspensão melhorar a velocidade e o desempenho do seu PC automaticamente.

    6. Faça overclock da CPU ou da GPU

    O processador e a placa de vídeo funcionam em um “clock” específico, que determina quantas operações por segundo o hardware executa. Por exemplo, um Core i7 6700HQ tem um clock de uma taxa básica de 2,6 GHz e aumenta até 3,5 GHz. O GeForce Titan X(p) funciona a uma velocidade pouco acima de 1.500 MHz. O “overclocking” aumenta essas frequências para obter mais poder de processamento.

    O “overclocking” também aumenta a carga e o calor no hardware do PC, embora não seja tão perigoso quanto costumava ser. Na maioria dos casos, a CPU ou GPU simplesmente desliga quanto está superaquecida ou sob muita carga, e o Windows trava antes que ocorra algum dano. Ainda assim, devido a esses efeitos, o “overclocking” ainda é considerado um processo avançado. Em outras palavras, não faça overclock do hardware a menos que saiba o que está fazendo.

    Overclock da CPU

    A menos que muitas tarefas que usem muito a CPU estejam em execução, como edição de multimídia ou execução de incontáveis aplicativos ao mesmo tempo, você não sentirá a diferença de um overclock. Mas, para aqueles que desejam o desempenho máximo absoluto, experimente o Extreme Tuning Utility da Intel.

    Com essa ferramenta, você pode ajustar ferramenta o clock da CPU, mas aconselhamos aumentar em incrementos de 50 MHz e depois testar a estabilidade do sistema sob vários cenários de alta carga (edição, games ou renderização) antes de aumentar ainda mais.

    Overclock da GPU (apenas para gamers)

    O desempenho em jogo depende principalmente da potência do chip de vídeo, muito mais do que da memória ou da velocidade do processador. Na maioria dos casos, a placa de vídeo é o gargalo que causa instabilidade e atrasos no jogo. Para melhorar o desempenho, você pode fazer o overclock da GPU para que ela fique além da configuração de velocidade de fábrica.

    O desempenho em jogo depende principalmente da potência do chip de vídeo, muito mais do que da memória ou da velocidade do processador.

    No mundo da GPU, você pode fazer o overclock do processador e da velocidade da memória usando várias ferramentas, como o MSI Afterburner . No nosso novo PC de jogos (com duas placas de vídeo Tital Xp), conseguimos aumentar o clock da GPU em 200 MHz e a memória em 500 MHz antes que o sistema ficasse instável. Os benefícios foram perceptíveis: O desempenho de jogo aumentou em 15% e conseguimos a melhor taxa de quadros e qualidade de imagem possível, nos jogos mais exigentes.

    Mas, repetindo, isso é algo que você, mesmo usuário experiente, precisa experimentar: Nem todos os chips são iguais e assim reagem de maneira diferente ao overclock. Além disso, sua solução de refrigeração é outro fator limitante. Conseguimos atingir esses clocks usando um sistema de refrigeração à água. Com a configuração tradicional com ventoinhas, podem ocorrer problemas de aquecimento rapidamente.

    Medição do overclockObservação aos usuários de laptop: Overclocking também é possível se você tiver uma placa de vídeo dedicada, como GeForce GTX 965M (mostrada acima) ou Radeon Pro 460. Mas os problemas térmicos são ainda mais perceptíveis em laptops, pois eles não conseguem dissipar o calor com facilidade devido aos gabinetes pequenos. Por isso, muitas vezes, você não poderá fazer o clock aumentar em mais de 100 ou 150 Mhz. Além disso, devido ao maior consumo de corrente, a duração da bateria definitivamente sofrerá.

    7. Atualize seus drivers

    O PC vem com mais de 100 componentes integrados. Você tem o chip de Wi-Fi, o processador, a placa de vídeo, o botão de ligar/desligar e muitas outras peças para que as coisas funcionem. É um sistema complexo que milagrosamente funciona.

    Todos esses componentes são controlados por drivers de dispositivos. Eles são softwares pequenos, embora complexos, que controlam como diferentes componentes funcionam. E assim como qualquer software, os drivers podem ser defeituosos (especialmente versões mais antigas). Eles também podem não conseguir extrair todo o potencial do seu hardware.

    Por isso, é crucial atualizar os drivers para manter o PC funcionando em velocidade máxima. Você também pode usar um software de atualização de drivers exclusivo para escanear e atualizar automaticamente seus drivers.

    8. Atualize seu SO

    A Microsoft faz ajustes constantemente no SO do Windows. Embora muitas dessas atualizações sejam correções a problemas de segurança, como a vulnerabilidade BlueKeep, outras tratam de desempenho.

    Se você ainda não usa o Windows 10, considere atualizar se puder. Não será grátis, mas como a Microsoft parou de emitir atualizações de segurança para Windows 7, passar para o Windows 10 oferecerá um grau muito maior de proteção.

    Mas, independentemente de qual edição do Windows você está usando, veja se ela é a mais recente. Para consultar qual versão do Windows você tem, abra o menu Windows e acesse Configurações > Sistema > Sobre.

    Como ver as especificações do Windows nas configurações do Sistema do Windows 10

    9. Eu deveria usar um limpador de registro?

    O registro é parte crucial do sistema operacional Windows. Em muitos casos, ele contém centenas de milhares de entradas, das quais, provavelmente, milhares são inválidas ou simplesmente estão vazias. E a web está cheia de “limpadores de registro” e dicas sobre como limpar um registro e acelerar PCs. Os limpadores de registro encontram e excluem essas entradas problemática, conforme necessário.

    Aparência do registro do Windows

    Mas 99,999% do tempo, usar um limpador de registro não afeta o desempenho do PC. Claro, o Windows acessa constantemente o registro, mas o tamanho aproximado desse banco de dados é de 100 a 200 MB, o que até um PC de 10 anos atrás pode processar em uma fração de segundo. Excluir algumas entradas do registro não afeta a velocidade de maneira alguma.

    Certamente, é bom limpar o registro, pois até mesmo funcionários da Microsoft disseram no passado. Em alguns casos, algumas chaves perdidas podem causar mensagens de erro na inicialização. Mas, a menos que haja esses erros, não há motivo para executar um limpador de registro.

    Nosso conselho: Deixe o banco de dados em paz. O Windows cuida muito bem dele. Caso você ainda encontre algum erro, use sempre uma ferramenta de limpeza de registro professional.

    10. Como vírus, cavalos de Troia, adwares ou qualquer forma de malware afetam o desempenho

    Vírus, adware, malware, spyware e cavalos de Troia não são apenas um grande risco à segurança. Alguns deles podem afetar seriamente o desempenho do PC. Se seu PC está lento apesar dos seus melhores esforços, considere usar uma ferramenta antivírus para se livrar de malwares. Vá em frente e baixe nosso antivírus premiado hoje mesmo.

    11. Limpe fisicamente seu computador

    Com as ventoinhas do PC ou laptop soprando sem parar no seu sistema por anos, deve haver uma grande família de cotões de poeira prosperando no seu computador. Eles deixam as ventoinhas lentas ou até mesmo bloqueadas, o que aprisiona o calor e leva a um mau desempenho e panes frequentes.

    Por isso, eu abro com frequência o gabinete do meu PC e laptops e uso um tubo de ar comprimido para catapultar esses cotões de poeira para fora do sistema (tenha um aspirador por perto). Aproveite o momento para também fazer a limpeza da tela e do teclado do seu computador. Há muitos limpadores projetados especificamente para isso.

    Quando terminar, posicione o computador para que ar fresco possa chegar às ventoinhas. Coloque laptops e computadores de mesa em superfícies rígidas e planas, não sobre tapetes, e não use seu laptop na cama sem necessidade. Além disso, não deixe o computador dentro de um gabinete sem circulação livre de ar.

    12. Impedir que programas sejam executados em segundo plano

    A RAM é um recurso finito e mesmo computadores com muita memória têm um limite de tarefas simultâneas. Se tiver muitos programas que operam em segundo plano quando não são usados ativamente, eles drenarão memória de tarefas importantes.

    Você pode impedir a execução de programas em segundo plano para que eles consumam memória apenas quando são ativamente usados. Veja como fazer isso no Windows 10.

    1. Abra Configurações e toque em Privacidade.

      Abrir as configurações de privacidade no menu Configurações no Windows 10

    2. Selecione Apps em segundo plano no menu à esquerda.

      Para impedir que todos os apps fiquem em execução em segundo plano, mude Permitir execução de apps em segundo plano para Desligado. Para impedir que apps individuais fiquem em execução em segundo plano, mude o botão respectivo para Desligado.

      Configurações de apps em segundo plano no menu de configurações do Windows 10

    13. Tente as soluções de problemas do Windows

    O Windows contém ferramentas de otimização integradas na forma de solução de problemas. Esses utilitários analisam o sistema e oferecem recomendações para a otimização de desempenho com apenas alguns ajustes.

    1. Abra Configurações e selecione Atualização e segurança.

      Abrir as configurações de atualização e segurança no menu Configurações no Windows 10

    2. Selecione Solução de problemas no menu à esquerda. Os utilitários de solução de problemas avaliarão o desempenho do sistema com base nos respectivos problemas que eles foram criados para resolver.

      Utilitários de solução de problemas nas Configurações do Windows 10

    14. Ajuste os efeitos visuais

    O Windows tem uma grande variedade de efeitos visuais bonitos, mas se você não se importa, o desempenho pode melhorar se eles forem desligados. Você precisará abrir a seção Opções de desempenho do Painel de Controle.

    1. Para encontrar essa configuração, ajuste a aparência na barra de pesquisa da Cortana ou diretamente no menu Iniciar. Depois, pressione a tecla Enter para abrir as opções de desempenho.

      Pesquisar as opções de desempenho na barra de pesquisa da Cortana inserindo a frase “ajustar aparência”

    2. Selecione Ajuste o melhor desempenho para permitir que o Windows otimize os efeitos visuais automaticamente. Você também pode ativar ou desativar efeitos individuais.

      As configurações de efeitos visuais nas opções de desempenho para o Windows 10

    15. Aumente a memória virtual (avançada)

    A memória virtual está em uma zona intermediária entre a RAM e o armazenamento de longo prazo do HD. Com a memória virtual, o computador aloca parte do HD para lidar com processos menos ativos, liberando a RAM do que você estiver fazendo no momento.

    Se receber uma mensagem de erro que avisa “Seu sistema está com pouca memória virtual” ou se precisar aumentá-la por outros motivos, você pode tentar isso. No entanto, recomendamos um aumento de memória virtual como solução apenas para usuários avançados que sabem lidar com um computador.

    Além disso, o HD não é projetado para ficar trocando entre tarefas em rápida velocidade. Para isso, existe a RAM. Se você depender muito da memória virtual, o desempenho do seu computador sofrerá ainda mais que antes.

    Veja como aumentar a memória virtual no Windows 10.

    1. Abra Configurações e toque em Sistema.

      Abrir as configurações de sistema no menu Configurações no Windows 10

    2. Selecione Sobre no menu à esquerda. Depois, selecione as informações do sistema das configurações relacionadas à direita. Se você não vir as configurações relacionadas, expanda a janela horizontalmente até conseguir.

      Encontrar as configurações de informações do sistema nas configurações Sobre no Windows 10

    3. Isso abre as configurações do sistema no Painel de Controle. Selecione Configurações avançadas do sistema nas opções à esquerda para abrir a janela de Propriedades do Sistema.

      Abrir as configurações avançadas do sistema nas configurações do sistema do Windows 10

    4. Clique no botão Configurações na seção Desempenho para abrir a janela de Opções de desempenho.

      Abrir as configurações de desempenho na guia Avançado nas propriedades do sistema no Windows 10
    5. Selecione a guia Avançado. Depois, selecione Alterar.

      Abrir as configurações de memória virtual na guia Avançado das opções de desempenho no Windows 10

    6. Desmarque a caixa ao lado de Gerenciar automaticamente o tamanho do arquivo de paginação para todas as unidades. Em vez disso, selecione Personalizar tamanho.

      Configurações de memória virtual no Windows 10, mostrando como definir um tamanho personalizado

    7. Na parte de baixo da janela, anote as quantidades de memória alocadas Recomendado e Atual. Se o segundo for menor que o primeiro, defina o valor Recomendado para um novo valor inicial. Defina o tamanho máximo que é maior que esse valor.

      Você também pode usar a fórmula a seguir para calcular a memória virtual inicial e máxima: Defina o valor inicial como 1,5 vezes a RAM atual e o valor máximo como o triplo da RAM atual.

      Como exemplo, 4 GB de RAM são 4.096 MB. Com essa quantidade de RAM, você definirá um tamanho inicial de 6.144 MB e máximo de 18.432 MB.

      Definir um tamanho personalizado para a memória virtual no Windows 10

    8. Quando estiver pronto, clique em Definir e depois confirme clicando em OK. Finalmente, reinicie o computador.

    Como limpar o PC e o disco rígido

    O conselho nesta seção é limpar o computador e eliminar todo o lixo digital acumulado que está entupindo seu computador. Mostraremos como limpar o HD, identificar e remover programas inúteis e migrar arquivos para o armazenamento de nuvem para liberar mais espaço no PC.

    1. Faça uma limpeza do disco

    Sempre que você usa o PC, seus programas, seu navegador ou seus jogos, você deixa para trás uma infinidade de lixo digital. Isso porque todos os programas no PC criam alguma forma de “arquivos temporários”, arquivos que os programas precisam para funcionar, mas que ficam para trás, assim que você termina de usá-los. Eles podem ser:

    • Arquivos de programa e instalação temporários

    • Antigos arquivos do Chkdsk

    • Registros de instalação

    • Atualizações do Windows e arquivos remanescentes da atualização

    • Arquivos deixados para trás pelo Windows Defender

    • Arquivos temporários de internet e páginas web offline

    • Arquivos de despejo de memória de erros do sistema

    • Arquivos de relatórios de erro do Windows

    • Miniaturas e histórico de arquivos do usuário

    Felizmente, há algumas opções para se livrar desse lixo.

    Primeiro, você pode usar a ferramenta de limpeza de disco integrada do Windows que arruma a bagunça básica no PC. Para iniciá-la em qualquer versão do Windows (incluindo o Windows XP, 7, Vista, 8 e 10), clique com o botão direito em sua área de trabalho e selecione Novo/Atalho. Digite o seguinte texto:

    %SystemRoot%\System32\Cmd.exe /c Cleanmgr /sageset:65535 &Cleanmgr /sagerun:6553

    Criar um atalho de limpeza

    Nomeie esse atalho como “Meu novo limpador de PC” (ou o que você preferir). Depois, clique com o botão direito e selecione Executar como administrador. Selecione e remova todos os arquivos que encontrar. Se não tiver certeza, verifique as descrições para saber quais arquivos está excluindo. Na maioria dos casos, você não terá problemas se excluir os arquivos temporários diários.

    Após um tempo, a sujeira digital superficial será eliminada e você poderá passar para opções de limpeza mais profundas:

    1. O Windows 10 oferece outra ferramenta que ajuda a limpar seus arquivos de atualização antigos. Esses arquivos podem ser significativos, caso tenha atualizado do Windows 7/8 para o Windows 10 ou de uma versão antiga do 10 para uma nova. Você pode encontrar essa opção se abrir o menu Iniciar, clicar na engrenagem Configurações e acessar o Sistema. Em Armazenamento, clique no disco rígido e selecione Arquivos temporários. Aqui, você poderá encontrar mais bagunça, incluindo os arquivos de backups mencionados acima.

      O menu de armazenamento no Windows

      O menu de arquivos temporários no Windows

    2. Software de ajuste professional: Na AVG, sabemos que os métodos de limpeza integrados nem chegam a revelar os arquivos indesejados ocultos no disco rígido e nas pastas do sistema. Isso porque, a maioria dos programas, como o iTunes, Office ou Chrome, cria os próprios arquivos indesejados que o Windows não sabe como excluir.

      Mas nós sabemos, e nossos engenheiros criaram métodos de limpeza para mais de 220 programas no AVG TuneUp. Vamos ajustar o PC para você.

      Primeiro, baixe o AVG TuneUp.

      Em seguida, acesse a seção Liberação de Espaço e passe por todos os recursos para excluir todos os arquivos temporários que nossa ferramenta pode encontrar. Muitas vezes, você liberará vários gigabytes de dados inúteis que podem ser usados por novos programas, músicas, fotos ou tudo mais que precisar.

      Menu de liberação de espaço do PC TuneUp

      Nossa Limpeza de Disco remove os seguintes tipos de arquivos remanescentes adicionais:

      • Relatórios de panes: o Windows cria relatórios quando o PC tem uma falha, mas eles são úteis apenas aos engenheiros de software e podem ser excluídos facilmente.

      • Arquivos do cache: esses arquivos temporários são deixados no disco pelo Windows e por outros programas.

      • Miniaturas: são arquivos de miniaturas (thumbnails) temporários criados e exibidos pelo Windows Explorer.

      • Listas de “arquivos usados recentemente”: muitos programas, incluindo o Windows, criam listas de arquivos que foram abertos recentemente. Embora isso seja conveniente, também é um risco à privacidade. A Limpeza de Disco, um recurso integrado ao AVG TuneUp, localiza os arquivos e os limpa de uma vez por todas.

      • Jogos: restos de plataforma de jogos, como o Steam, além de instaladores para arquivos DirectX ou Visual C++ Redistributable, não são mais necessários após a instalação e inicialização do jogo baixado.

      • …e muito mais.

    2. Libere espaço em seu disco rígido excluindo arquivos enormes

    Isso acontece o tempo todo: Você baixa um arquivo grande ou vídeo enorme do seu telefone e depois se esquece dele. O Windows Explorer oferece uma maneira excelente de encontrar os maiores arquivos em todo o HD. Abra o explorador e clique no campo Pesquisar. Depois, clique em Tamanho e selecione Gigante. Isso mostrará todos os arquivos com mais de 100 MB.

    Como encontrar arquivos grandes com o Windows Explorer

    3. Desinstale aplicativos de que você não precisa

    Você pode ter aplicativos no PC que mal usa ou que não precisa mais, que deixam seu PC lento e gastam espaço em disco. Para se livrar de apps desnecessários, acesse o Painel de Controle do Windows, clique em Programas, e depois em Programas e recursos. Passe pela lista e desinstale tudo que não precisar.

    Menu de desinstalação de programas não usados no WindowsUm problema desse método é que ele não informará se você precisa ou não de um programa específico, ou quando ele foi usado pela última vez. Mas não se preocupe, o AVG TuneUp facilita a identificação dos programas de que você não precisa.

    Localizador de arquivos duplicados no PC TuneUp

    Gerenciador de Desinstalação permite procurar por:

    • Programas usados raramente.

    • Programas instalados recentemente.

    • Programas grandes.

    • …e mais.

    Depois de baixar e instalar o AVG TuneUp, clique em Desinstalar programas não utilizados e clique em Filtrar lista.

    Menu de programas não utilizados

    O exemplo acima mostra como um jogo que já terminei (Dying Light) ainda ocupa mais de 20 GB de armazenamento. Posso desinstalá-lo por enquanto e depois reinstalar quando quiser jogar.

    4. Teste a integridade e estado do seu disco rígido

    Qualquer arquivo no HDD ou SSD pode ser danificado se o PC ficar sem energia ou tiver uma falha. Por isso, é importante verificar bem a integridade do HD. Para fazer isso, clique no botão Iniciar e digite as letras CMD. Isso mostrará o resultado de pesquisa Prompt de Comando. Clique com o botão direito e selecione Executar como administrador.

    Prompt de comando do administrador

    Digite chkdsk /f /r /b e tecle Enter. Confirme que você quer escanear todo o disco na próxima inicialização. Depois, reinicie seu PC. Dependendo do tamanho do disco, esse processo de verificação e reparo pode demorar mais de 1 hora. No final, você terá corrigido alguns problemas de HD e reparado arquivos importantes. Ou, pelo menos, saberá que está tudo OK.

    5. Use o armazenamento de nuvem se estiver ficando sem espaço local

    Se os métodos de limpeza mencionados acima não oferecerem o espaço necessário, considere enviar alguns arquivos maiores para um serviço na nuvem, como OneDrive ou Google Drive. Embora o acesso aos arquivos na nuvem possa ser mais demorado, os serviços de nuvem são uma boa solução se você ficar constantemente sem espaço no HD.

    6. Limpe os cookies e o cache do navegador

    O navegador armazena muitos arquivos que, embora não sejam grandes individualmente, podem se acumular. Eles incluem:

    • Cookies: cookies são arquivos pequenos que compartilham informações sobre você com os sites acessados. Alguns cookies ajudam os sites a lembrar das preferências do usuário, mas outros te rastreiam na internet, enviando dados a anunciantes, profissionais de marketing e administradores de site.

    • Cache: o navegador armazena elementos dos sites acessados nesses cache. Isso ajuda a carregar mais rápido os sites em futuras visitas.

    É sempre uma boa ideia excluir os cookies de navegador periodicamente e limpar o cache. Apagar cookies melhora a velocidade e o desempenho do navegador, além de impedir que coletem dados sobre você com os cookies de rastreamento. Além disso, esvaziar os cookies força o navegador a carregar versões mais recentes dos sites acessados. Isso garante que o conteúdo mais recente seja exibido.

    Aproveitando, considere excluir seu histórico de navegação também. Isso não acelerará o computador, mas ajudará a proteger a privacidade. Ninguém precisa saber quais sites você acessa.

    Como atualizar seus aplicativos

    Nossos estudos mostraram que mais de 52% dos aplicativos instalados no PC estão desatualizados. Às vezes, isso acontece porque as pessoas ignoram as atualizações. Outra vezes, porque os aplicativos não incluem um atualizador que funciona.

    Por que falamos disso em nosso guia definitivo para acelerar PCs? Porque aplicativos antigos podem causar problemas de desempenho e estabilidade. Confira nosso guia sobre atualização de apps.

    Em resumo: Use um atualizador de software automático ou veja as listas de aplicativos para saber se todos atualizados.

    Mantenha o PC limpo e rápido sem esforço

    Agora que você aprendeu as etapas mais importantes de ajustes e limpeza, repita-as mensalmente. Mas, se limpar e ajudar seu computador periodicamente aparece um aborrecimento, veja algumas dicas para reduzir essa manutenção e ter um PC saudável:

    • Antes de instalar qualquer software, considere se ele é mesmo necessário ou se você planeja usá-lo regularmente. Se precisar apenas uma vez, lembre-se de desinstalar depois de terminar.

    • Percorra a lista de todos os seus programas instalados e decida se ainda precisa deles.

    • Por fim, eu crio backups frequentes e completos do PC após fazer uma instalação limpa e configurá-lo. Se algo der errado, eu volto a esse estado anterior. 

    O AVG TuneUp lida com muitos dos processos acima automaticamente. Depois de instalado, ele apagará automaticamente os arquivos inúteis, atualizará o software, desinstalará os programas indesejados e executará várias tarefas de manutenção regular. Você não precisa fazer nada.

    Otimize seu Android com o AVG Cleaner

    Instalação gratuita

    Proteja seu iPhone contra ameaças com o AVG Mobile Security

    Instalação gratuita