Muita gente acha que as moedas digitais vão “mudar” o mundo e “se jogaram” na possibilidade de investir no Bitcoin, a moeda cibernética que primeira “cunhou” esse termo. Agora, achamos que a ideia de cunhar essa nova moeda é... “legal” também, mas antes de quebrar a “cara”, você deve se lembrar de sempre ficar de olho na sua “coroa”. Porque, por mais que uma nova tecnologia seja legal, você sempre precisa se perguntar primeiro: ela é segura?

Bom, chega de piadinhas.

O que exatamente é o Bitcoin?

Bitcoin é uma moeda digital criada em 2009 e é, sem dúvida, o inventor de toda a mania da moeda digital. Diferente do dinheiro normal, que é garantido e valorizado pelo governo que o imprime, o Bitcoin é administrado de forma independente e não tem nada como garantia, o que significa que seu valor (ou o que você realmente pode pagar com ele) é determinado em grande parte pelos usuários. Isso significa que o Bitcoin pode ter o valor de alguns dólares até quase 20.000 cada, como foi o caso em dezembro de 2017.

Mas o que você pode realmente fazer com o Bitcoin? Bem, quando foi criado pela primeira vez, não muito. Mas, a medida que o tempo foi passando, mais e mais empresas e indivíduos aceitaram o Bitcoin como um método legítimo de pagar seus serviços. É bem possível comprar um computador, reservar um voo, ou até pedir uma pizza usando apenas os Bitcoins.  

O Bitcoin é seguro?

Sim, temos prazer em dizer que o Bitcoin é seguro... Na maioria dos casos.

Motivo Nº 1: Bitcoin é criptografado e seguro

E não apenas criptografado de jeito normal, rotineiro. O Bitcoin é criptografado e garantido por um sistema especial chamado blockchain. Blockchain usa muitos voluntários para trabalharem em conjunto e criptografar as transações que ocorrem no sistema do Bitcoin. E ao fazer isso, eles garantem que todas as informações pessoais sejam ocultadas de possíveis espiões e que mesmo que os cibercriminosos consigam entrar no sistema, não há nada de valor para roubar.

Motivo Nº 2: O Bitcoin é público

“Espere aí, isso não parece mais seguro”, você pode estar pensando, mas “público” significa que todas as transações são transparentes e estão disponíveis ao público, mesmo que as pessoas envolvidas sejam anônimas. Isso significa que ninguém pode enganar, mentir ou fraudar o sistema de outro jeito. Eles também são irreversíveis, então quando você comprar seus Bitcoins ou vendê-los, ninguém pode pedir seu dinheiro de volta. Com o Bitcoin, isso é como ter milhares de pessoas olhando sua carteira para garantir que ninguém tente roubar nada.

Motivo Nº 3: O Bitcoin é descentralizado

O Bitcoin tem servidores em todo o mundo e mais de 10.000 nós que rastreiam todas as transações que acontecem no sistema. Isso é importante, porque significa que, se algo acontecer a um dos servidores ou nós, os outros podem compensar. Isso também significa que tentar hackear um dos servidores é inútil: não há nada que você possa roubar que os outros nós e servidores não possam impedir, a menos que você controle 51% dos nós. Uma situação não impossível, mas muito improvável.

E é muito melhor do que a alternativa, porque quando você mantém todas as suas coisas importantes em um único local, isso atrai problemas: basta perguntar ao pessoal da Equifax.

Você mencionou o “Blockchain”. O que é isso?

Ah, sim. Blockchain é o ingrediente secreto que possibilita a existência do Bitcoin. E também é a principal ferramenta que garante a saúde e segurança de todo o sistema.

Entrar em todos os detalhes do blockchain daria material para mais um artigo, então vamos deixar as coisas simples e agradáveis por aqui: o blockchain é um método de criptografia pública que mantém as transações seguras e garante que cada uma seja única.

Uma pergunta: por que as pessoas não usam ctrl-C para obter mais bitcoins? Porque o blockchain garante que cada bitcoin seja único, colocando todos em um registro universal que monitora quantos bitcoins estão em cada carteira. O sistema sabe se um bitcoin é adquirido por qualquer outro meio que não seja comércio ou mineração e, se for, ele simplesmente não terá valor e não será exibido no registro.

Mas manter a privacidade e anonimato de todas essas informações também é importante. Já mencionamos que o blockchain criptografa todas suas transações, mas o motivo de usar o nome “blockchain” é porque cada transação, quando criptografada, é enviada para participar de um “bloco” de outras transações. Uma vez que ela se junta a este bloco, é impossível alterar ou modificá-la. Isso significa que mesmo se você acessar o blockchain, você não pode, por exemplo, “hackear” alguém para enviar mais dinheiro a você: isso é essencial para garantir que cada bitcoin que você possui seja único e, portanto, valioso.

Espere, você disse que o Bitcoin é seguro “na maioria dos casos”

Queremos dizer que, tecnicamente, ele é muito volátil e não é exatamente seguro.

O Bitcoin não é anônimo?

Não. Mesmo que o Bitcoin disfarce suas informações pessoais, ele não disfarça o endereço da sua carteira. Isso significa que você não é “anônimo”, é “pseudônimo” e, em teoria, alguém poderia usar pistas e dicas para rastrear suas informações pessoais.

Com certeza, isso não é uma tarefa fácil, mas não é impossível. Como todos os registros são públicos, se alguém souber quanto você gastou, quando e onde, ele poderia encontrar sua transação no registro e rastreá-la de volta até sua carteira. Uma vez que isso fosse feito, eles poderiam mapear seus hábitos de consumo, coletar dados sobre sua vida e talvez até te chantagear, se você gastar seus bitcoins com coisas suspeitas, é claro!

É por isso que, se você quiser manter a privacidade ao usar o Bitcoin, não deve fornecer informações que possam ser usadas para rastrear sua compra.

Mas existe outro motivo para que os Bitcoins talvez não sejam "seguros" para você.

O Bitcoin é volátil?

Sim! Seria possível argumentar que o Bitcoin, embora seguro e criptografado, não é uma maneira “segura” para guardar dinheiro, devido a sua instabilidade. Sem órgãos reguladores, um Bitcoin de US$ 1.000 pode cair para apenas US$ 100 em apenas alguns dias. Embora o Bitcoin tenha passado por fases de estabilidade, até agora isso nunca durou mais do que alguns meses. E, embora essa volatilidade possa ser empolgante (afinal, também poderia ganhar valor), isso também significa que você está sempre em risco de sofrer algumas perdas graves.

Além disso, como esse é um conceito tão inovador, é inevitável que as coisas não corram bem de vez em quando. Por exemplo, uma moeda virtual famosa não conseguiu acessar o dinheiro que deve a seus clientes porque o proprietário (e a única pessoa que sabia a senha do sistema) morreu inesperadamente. Às vezes, a segurança é uma faca de dois gumes!

Alguém pode roubar meus Bitcoins?

Bem, claro que pode!

Uma mão pegando um bitcoin de um baú do tesouro

Só porque os Bitcoins são bastante seguros em um nível de sistema, não significa que cibercriminosos não possam roubar moedas de indivíduos!

  • Phishing é sempre perigoso para sua carteira, não importa que tipo de moedas você guarda lá. Um site falso poderia levá-lo a compartilhar seus detalhes de login com cibercriminosos, que poderiam depois esvaziar sua carteira de Bitcoin.

  • Claro, sempre existem os golpes mais convencionais: como spoofing, onde as pessoas fingem vender algo, recebem seu pagamento e se recusam a entregar a oferta.

  • Também não falta o malware que tem como alvo os Bitcoins e as carteiras de Bitcoin. Se alguma dessas ameaças desagradáveis conseguir entrar em seu sistema, os cibercriminosos vão acessar (e roubar) rapidamente suas moedas preciosas.

  • É até possível roubar chaves de carteira de um cold storage (é o lugar onde os Bitcoins são armazenados quando não estão em uso), embora o método ainda seja bastante experimental.

Parece terrível, mas não há motivo para temer: com um bom antivírus, como AVG AntiVirus FREE, você pode se proteger de três desses quatro métodos. Você só precisa usar o bom senso e fornecedores confiáveis para evitar spoofing.

Então, eu deveria experimentar o Bitcoin?

Você decide. Há muito motivos para confiar no Bitcoin, como explicamos acima, mas há muitas razões para ficar cético também: afinal, nada é perfeito. Mas se você decidir mesmo investir, esteja preparado para todos os tipos de altos e baixos e não tenha vergonha de diversificar: há muitas criptomoedas por aí que você pode experimentar e a maioria delas é razoavelmente segura.

Especialmente se você mostrar que tem um pouco de bom “cento”.

... Já estamos terminando.

Baixar o AVG AntiVirus FREE

 

AVG AntiVirus FREE Baixar GRÁTIS