Blog AVG Signal Segurança Vírus Worm x Vírus: qual é a diferença?
Computer_virus_vs_worm-whats_the_difference-Hero

Qual é a principal diferença entre um worm e um vírus?

A principal diferença entre um worm e um vírus de computador é que os worms podem se espalhar independentemente, sem serem anexados a um arquivo ou programa hospedeiro. Algumas pessoas descrevem worms como um subconjunto dos vírus, mas é mais comum considerar worms e vírus como duas subcategorias de software malicioso (malware).

Este artigo contém:

    Mas vamos voltar um pouco: Malware se refere a todos os softwares e códigos malignos criados para danificar arquivos e dispositivos, extrair e explorar dados pessoais e geralmente causar estragos (muitas vezes para fazer os hackers ganharem dinheiro). Embora algumas pessoas usem o termo “vírus” para se referir a todos os códigos malignos, um vírus é apenas um dos muitos tipos de malware.

    A diferença principal entre worms e vírus é como eles se espalham e se comportam.

    Eles são duas subcategorias de malware.Os vírus e worms de computador são tipos de malware.

    Como um vírus se espalha

    Um vírus infecta o dispositivo ao inserir um código (ou carga) em um programa ou arquivo e pegar emprestados os recursos do sistema para se copiar e se espalhar. Por isso, os vírus às vezes são chamados de "infestadores de arquivos".

    Um vírus de computador vive dentro de um hospedeiro, como um documento ou arquivo executável, e requer interação humana para se espalhar. Isso significa que o vírus permanece inativo até ser acionado inadvertidamente ao executar o arquivo onde ele está.

    Uma vez ativo, um vírus autorreplicante começa a se copiar e se espalhar. Os vírus podem causar muitos danos, como corromper arquivos ou aplicativos, prejudicar o desempenho do computador e infectar mais dispositivos (e pessoas). 

    Um exemplo de infecção de vírus

    Veja um exemplo típico de como você se infecta com um vírus de computador: Você recebe um e-mail (inesperado) com um título intrigante (indutor de cliques) como “Fiz algumas alterações, por favor, verifique”. Um arquivo vem anexado ao e-mail com um nome como “Atualizações”. Ele pode ser um arquivo DOC ou EXE.

    Um vírus de computador vive dentro de um hospedeiro, como um documento ou arquivo executável, e requer interação humana para se espalhar.

    Se for um arquivo DOC, depois de ser baixado, você verá uma solicitação para habilitar macros (regras programadas que ajudam a simplificar tarefas repetitivas). Essa ação aciona o vírus. 

    Se o arquivo for um EXE, baixá-lo e executá-lo ativará o vírus. O vírus então comandará os recursos do computador para que que ele seja copiado e disseminado, danificando dispositivos e arquivos ou roubando dados pessoais.

    Como um worm se espalha

    Um worm é diferente de um vírus, porque não requer um hospedeiro ou uma interação humana para se espalhar e causar estragos. Ele também é malware autorreplicante, mas é autônomo. Worms geralmente se espalham por uma vulnerabilidade de software.

    Uma falha de segurança, ou vulnerabilidade, é criada por acidente pelos desenvolvedores durante a criação de um programa ou desenvolvimento de um sistema operacional. Depois, os hackers descobrem a vulnerabilidade e escrevem um código para explorá-la. Eles usam o exploit para enviar o malware pela “falha” descoberta e entrar no sistema. A parte assustadora é que você pode não ter ideia de que se infectou. 

    Um worm é diferente de um vírus, porque não requer um hospedeiro ou uma interação humana para se espalhar e causar estragos.

    Algumas falhas de segurança são tão perigosas que se tornam notórias, como o EternalBlue, que causou o ataque colossal WannaCry, ou o BlueKeep, que ainda pode afetar um milhão de PCs Windows.

    Depois que um worm entra no sistema, ele pode fazer uma varredura na rede para detectar outros dispositivos que contenham a mesma vulnerabilidade. O worm então salta para todos esses dispositivos, infectando-os e repetindo o processo. Um worm também pode se espalhar por meio de um arquivo ou programa infectado.

    Um exemplo de infecção de worm

    Veja um exemplo comum de infeção por worm: Você recebe uma notificação de que o Windows tem uma atualização de segurança crítica. Mas você está fazendo outra coisa e ignora o aviso e se esquece de instalar mais tarde. Essa atualização tinha como objetivo corrigir uma vulnerabilidade de segurança, mas como você não aplicou a atualização, a falha (vulnerabilidade) permanece no seu sistema. 

    Mais cedo ou mais tarde, um hacker empreendedor encontra essa falha para explorar. Então, enquanto você está trabalhando ou jogando, um worm invade seu computador e começa a se replicar, comprometendo seus dados e causando todo tipo de estrago. 

    Antes que você tenha a chance de perceber o que está acontecendo, o worm faz uma varredura na sua rede. Ele descobre que você e seu cônjuge não aplicaram a atualização em outros computadores. O worm se espalha rapidamente para esses dispositivos também. 

    Ainda sem saber do problema, você decide sair para tomar um café. Você se senta com seu laptop em um café e se conecta à rede Wi-Fi do estabelecimento. O worm varre a rede do café e encontra mais uma dúzia de dispositivos (e pessoas) e os infecta com a mesma vulnerabilidade. Essas pessoas vão para casa e esses dispositivos infectam os dispositivos de familiares também, e assim por diante.

    Resumo das diferenças entre vírus e worms

    Vírus Worm
    • Requer um hospedeiro

    • Acionado por interação humana

    • Chega por meio de um arquivo ou programa infectado (infestador de arquivo)

    • Espalha-se de maneira independente 

    • Não exige interação humana

    • Geralmente chega por uma vulnerabilidade de software

    Há semelhanças também

    Apesar das distinções descritas acima, worms e vírus se comportam de maneira semelhante em outros aspectos. A principal semelhança é que tanto os vírus quanto os worms se autorreplicam e se espalham rapidamente. De fato, ambos podem se espalhar exponencialmente, o que dá a eles uma potencial capacidade de danos. Quando se trata de comparar vírus e worms, certamente você quer ficar longe de ambos.

    Os vírus e worms de computador se autorreplicam e podem se espalhar exponencialmente.Os vírus e worms podem se espalhar exponencialmente.

    Qual é o mais perigoso? O vírus ou o worm?

    Embora possa haver uma escala de perigo entre vírus e worms, worms geralmente são considerados mais perigosos. Worms são mais sorrateiros porque podem te infectar sem você perceber. E novas cepas de vírus (ou infestadores de arquivos) são difíceis de serem encontradas atualmente, enquanto os worms são muito mais comuns.

    Tanto os worms quanto os vírus têm grande potencial para causar problemas de segurança e privacidade. Uma pequena infecção por malware pode danificar arquivos, programas ou dispositivos. Mas infecções mais prejudiciais podem roubar dados pessoais confidenciais, o que pode levar a fraude de identidade e roubo de dinheiro. 

    Pequenas empresas, grandes corporações, sistemas de assistência médica e até mesmo países podem ser duramente atingidos por malware. Vírus e worms podem causar vazamentos de dados em grande escala, perda ou roubo de dados, altos custos de reparo, danos à reputação e até guerra cibernética.

    Ameaças combinadas

    As ameaças virtuais mais perigosas são aquelas que combinam aspectos de diferentes tipos de malware. Pode ser um adware que imita spyware para te vigiar ou rastrear seu comportamento online, ao mesmo tempo que o bombardeia com anúncios.

    Em uma escala maior, um exemplo bem conhecido de ameaça combinada é WannaCry. Uma forma de ransomware misturada com worm, o WannaCry teve uma velocidade de disseminação de 10.000 PCs por hora em 150 países, criptografando dispositivos e exigindo um resgate para recuperá-los. Esse worm ransomware se espalhou exponencialmente, causando US$ 4 bilhões em prejuízos a hospitais, universidades, governos e outras entidades.

    Se seu computador for infectado por vírus, worm ou uma ameaça combinada, você precisará de um antivírus poderoso para manter sua segurança sempre que estiver conectado à internet. O AVG AntiVirus FREE oferece proteção de ameaça contínua para garantir que suas informações pessoais estejam sempre protegidas. Além disso, ele é totalmente gratuito, então não há motivo para não usá-lo ao buscar uma segurança para seu computador, seus dados e sua família.

    Vírus x worm: qual deles me infectou?

    Todos os tipos de malware têm traços e características semelhantes. Isso pode tornar extremamente difícil determinar que tipo de software maligno te infectou, porque eles podem causar sintomas muito semelhantes. Em geral, preste atenção a estes sinais reveladores de uma infecção por malware:

    • Desempenho inexplicavelmente lento

    • Configurações alteradas ou novos aplicativos que você não configurou

    • Muitas panes ou travamentos

    • Arquivos ausentes ou corrompidos

    • Um processo hiperativo

    • Falta súbita de espaço de armazenamento

    • Muitos pop-ups

    Se você notar algum desses sintomas, é hora de descobrir o que está afetando o computador.

    O que fazer se você tiver um vírus ou worm?

    Se o seu dispositivo estiver com algum dos sintomas de malware acima, você deve executar imediatamente um escaneamento de malware. A menos que você seja um especialista em malware, pode ser extremamente difícil encontrar e diagnosticar a infecção sem ajuda.

    Por isso, recomendamos usar uma ferramenta gratuita de remoção de vírus que pode encontrar o que estiver escondido no seu computador para excluir imediatamente. Não importa qual dispositivo você usa, podemos ajudar a remover vírus, worms e todos os outros tipos de malware com segurança com o AVG AntiVirus FREE. Consulte nossos guias para obter mais detalhes sobre como fazer isso em dispositivos específicos:

    Como se proteger

    O velho ditado diz que um grama de prevenção vale um quilo de cura, e você pode multiplicar isso por dez quando se trata de vírus e worms. Aprenda como se proteger agora e nunca mais se preocupe com arquivos danificados, dados pessoais roubados ou em espalhar a infecção para seus amigos e familiares.

    icon_01Evite abrir e-mails e links suspeitos

    Quando se trata da internet, uma dose saudável de ceticismo é recomendável. Não abra e-mails de fontes desconhecidas. Mesmo que seja de um contato confiável, mas pareça estranho, tenha cuidado. O dispositivo da pessoa pode estar infectado com malware que envia spam aos contatos. Tenha cuidado especial com links e anexos.. Isso inclui links que você recebe em aplicativos de mensagens e redes sociais. 

    icon_02Baixe aplicativos e mídia apenas de fontes confiáveis

    A App Store da Apple e o Google Play verificam desenvolvedores e apps, que são testados quanto à segurança. Embora não seja 100% à prova de falhas, é muito mais seguro do que baixar programas em um site de terceiros. 

    Mas se você realmente quiser baixar algo de um site desconhecido, verifique se o site é seguro. Você também deve evitar torrents de filmes e músicas. Além de ilegal, os arquivos torrent podem estar infectados com malware.

    icon_03Use um bloqueador de anúncios

    Malvertising se refere a anúncios infectados que, quando clicados, podem espalhar malware no dispositivo. O malvertising também pode inserir malware em redes de anúncios que distribuem anúncios pela internet. Isso significa que anúncios malignos podem ser exibidos até mesmo em sites legítimos e confiáveis. Um bloqueador de anúncios impedirá que os anúncios sejam carregados, para que você nunca os veja. Um bloqueador de anúncios também ajudará a evitar downloads não solicitados, por meio dos quais anúncios infectados entram no sistema sem que sejam clicados.

    icon_04Use um antivírus confiável:

    Vírus, worms, cavalos de Troia, ransomware: tudo isso pode ser evitado com uma ferramenta de segurança cibernética robusta como o AVG AntiVirus FREE. A AVG fornece proteção 24 horas para detectar e bloquear todos os tipos de malware antes que ele chegue perto do seu sistema. E as defesas extras integradas contra anexos de e-mail infectados, downloads mal-intencionados e links inseguros protegerão sempre contra os vetores mais comuns de vírus e worms.

    icon_05Não se conecte a redes inseguras sem uma VPN 

    Redes Wi-Fi desprotegidas são comuns em locais públicos como cafés, aeroportos e shoppings. Embora elas geralmente sejam gratuitas, você pode pagar o preço mais tarde, quando um hacker interceptar seus dados pessoais. Essas redes são fáceis demais para os hackers violarem. Para se conectar a elas com segurança, use uma VPN ou rede privada virtual. 

    Uma VPN, como o AVG Secure VPN, criptografa todo o seu tráfego, criando um túnel privado seguro para o seu dispositivo acessar a internet. Com uma VPN, ninguém pode te espionar e você pode navegar, fazer transações bancárias e compras com segurança, mesmo em público.

    icon_06Mantenha seu sistema operacional atualizado

    Essas notificações de atualização podem ser muito irritantes quando interrompem você, mas são absolutamente essenciais para manter sua segurança. Lembre-se de que os hackers podem explorar brechas de segurança para inserir worms e outros malwares no sistema. É fácil evitar isso se você aplicar sempre atualizações de segurança ao sistema operacional e programas a tempo. 

    Então, da próxima vez que você receber essa notificação de atualização, não pressione “lembre-me mais tarde”. Atualize imediatamente. Vale a pena.

    Bloqueie vírus e worms com o AVG AntiVirus FREE

    Hábitos digitais inteligentes, como os descritos acima, contribuirão muito com sua segurança online. Mas, por mais cuidado que você tome, não há garantia de que um hacker sorrateiro não conseguirá colocar algum malware no seu caminho. 

    Obtenha proteção completa contra vírus, worms, ransomware e outros códigos malignos com uma solução antivírus abrangente. O AVG AntiVirus FREE usa inteligência artificial avançada baseada em nuvem para fornecer seis camadas de proteção. Baixe hoje mesmo para proteger seu computador e ter tranquilidade.

    Proteja seu Android contra ameaças com o AVG AntiVirus

    Instalação gratuita

    Proteja seu iPhone contra ameaças com o AVG Mobile Security

    Instalação gratuita