Não importa o quanto seu PC seja rápido, uma coisa reduz sua velocidade e impede a instalação de programas e o armazenamento fácil de fotos, músicas e documentos: arquivos desnecessários acumulados. Isso inclui todos aqueles gigabytes de dados desnecessários, arquivos temporários, backups antigos, antigos pontos de restauração de sistema e outros enormes desperdiçadores de dados.

Essa bagunça excessiva pode limitar o desempenho do seu PC de duas maneiras principais:

  1. Isso cria lentidões terríveis. Provavelmente a causa nº 1 de um computador lento (que até mesmo profissionais de TI costumam negligenciar) é a mensagem vista acima. Pouco espaço em disco pode tornar todos os programas extremamente lentos, aumentar o tempo de carregamento e causar dezenas de mensagens de erro. Por quê? O Windows e a maioria dos programas de terceiros precisam de espaço em disco para “respirar”. Por exemplo, o Windows cria algo chamado de “arquivo de paginação” em seu disco rígido para aumentar a memória física do seu PC (RAM). PhotoShop, Gimp e outros editores de fotos reservam espaço para armazenar temporariamente fotos enormes enquanto você trabalha com elas. Pouco espaço em disco evita a expansão desse espaço quando necessário, reduzindo muito o desempenho do PC.
  2. Isso aumenta os bugs e panes. Isso acompanha o primeiro motivo. Se seus programas e o Windows ficarem sem espaço para criar seus arquivos, eles frequentemente se recusarão a funcionar. Qualquer coisa pode então acontecer, desde panes simples até telas azuis, como a abaixo, quando deixamos um laptop com Windows 10 funcionar com 00 MB por algum tempo.

Portanto, limpe a bagunça em seu PC

Nossa experiência sugere uma abordagem em três frentes para a limpeza de arquivos temporários. 

Etapa 1 - Implante limpadores de disco

O Windows XP, Vista, 7, 8 e 10 contêm um limpador básico legal, que pode ser transformado em um verdadeiro aspirador de pó de PC assim que você aprender alguns de seus segredos. 

A ferramenta Limpeza de disco comum é capaz de detectar e se livrar de:

  • Arquivos de programa e instalação temporários
  • Antigos arquivos do Chkdsk
  • Registros de instalação
  • Restos de arquivos de atualização do Windows e Windows Update
  • Sobras do Windows Defender
  • Arquivos de Internet temporários e páginas web offline
  • Arquivos de despejo de memória de erros do sistema
  • Arquivos de relatórios de erro do Windows
  • Miniaturas e histórico de arquivos do usuário

Para iniciar o limpador de disco do Windows em qualquer versão do Windows (incluindo o Windows XP, 7, Vista, 8 e 10), clique com o botão direito em sua área de trabalho e selecione Novo/Atalho. Digite o seguinte texto:

%SystemRoot%\System32\Cmd.exe /c Cleanmgr /sageset:65535 &Cleanmgr /sagerun:6553

Dê o nome ao atalho que quiser, como “Minha ferramenta de limpeza de PC”. Pronto? Depois, clique nesse atalho recém-criado e selecione Executar como administrador. 

Selecione todos os arquivos que quiser limpar e clique no botão OK. Se não tiver certeza do significado dessas opções, simplesmente destaque uma e leia a descrição. 

O Limpador de disco do Windows fornece apenas algumas centenas de MBs adicionais. Algumas ferramentas de limpeza comerciais podem ir mais fundo, cobrindo não só o Windows, como também programas de terceiros ou até mesmo jogos (se você jogá-los). É um pouco parecido com passar o aspirador de pó no chão antes de encerá-lo e limpá-lo profundamente e é isso que ferramentas de limpeza profissionais fazem, como (aham, um pouco de propaganda) nosso próprio AVG TuneUp.

Essas ferramentas comerciais limpam itens deixados para trás, como:

  • Relatórios de panes: o Windows produz descarregamentos de memória que contêm informações de análise relevantes sempre que o seu PC sofre uma pane. 
  • Arquivos do cache: são arquivos temporários que deixados em seu disco por programas e pelo Windows. Incluem, por exemplo, o cache de fonte usado por programas do Windows® Presentation Foundation (WPF) e o cache do bitmap do aplicativo de desktop remoto.
  • Miniaturas: arquivos de miniaturas (thumbnails) criados e exibidos pelo Windows® Explorer.
  • Listas de “arquivos usados recentemente”: muitos programas, incluindo o Windows®, criam listas de arquivos que foram abertos recentemente. Embora isso seja muito conveniente, também é um risco à privacidade. (O AVG Disk Cleaner faz um excelente trabalho para limpar isso de uma vez por todas).
  • Jogos. Restos de arquivos de plataforma de jogos, como Steam e Origin, também podem consumir espaço.

Etapa 2 – limpe seu navegador

Os navegadores tendem a acumular muitos arquivos deixados para trás, quando você está verificando o Facebook ou seu site favorito de notícias. Eles incluem: 

  • Arquivos do cache: dados armazenados temporariamente de websites acessados recentemente. 
  • Cookies: aplicativos pequenos que identificam seu PC a websites, como sites de mídias sociais e portais de compra. Embora os cookies sejam convenientes para rastrear usuários, eles são uma preocupação de privacidade definitiva. (Limpá-los, geralmente, significa que você precisará entrar em seus websites favoritos sempre que acessá-los ou sacrificar algumas preferências). 
  • URLs “lembradas”: lista de URLs digitadas na barra de endereço do navegador. 
  • Senhas armazenadas: senhas armazenadas em seu navegador.

Se não tiver uma ferramenta que limpe regularmente o Chrome, Internet Explorer, Firefox e outros navegadores, eles acumularão uma coleção de arquivos temporários ao longo tempo. Isso pode sair de controle, entupindo seu disco rígido e causando travamentos em seu navegador. Além disso, ter um registro de acompanhamento de todos os sites visitados pode não ser desejável quando você compartilha seu computador ou laptop com amigos e familiares. 

Todo navegador possui sua ferramenta de limpeza. Mostraremos como isso é feito no navegador mais comum, o Internet Explorer. Mas o conceito é o mesmo em todos eles. 

Primeiro, clique no pequeno ícone de engrenagem no canto superior direito:

Depois clique em Opções de Internet. Clique em Excluir na janela a seguir e marque todos os itens que desejar excluir:

O Google Chrome e Firefox funcionam de maneira semelhante. No entanto, se usar regularmente vários navegadores, você precisará repetir dolorosamente essa etapa em cada um deles. É melhor instalar uma ferramenta de limpeza de navegador automática, como a integrada em nosso AVG TuneUp (sim, sabemos que é outra propaganda descarada, mas ele realmente funciona. Experimente o teste grátis). 

Etapa 3 – encontre arquivos enormes

É fácil esquecer os arquivos enormes colocados em seu disco rígido, que você planejava remover posteriormente. 
Sugiro procurar regularmente por esses gigantes e livrar-se deles assim que não forem mais necessários. Eu faço isso todos os meses. Até o momento, consegui salvar alguns gigabytes dessa bagunça. Instruções para localizar arquivos grandes: 

No Windows 8 ou 10, abra o Explorador de Arquivos e clique na guia Pesquisar. Depois, clique em Tamanho e selecione Gigante.

No Windows 7, abra também o Explorador de Arquivos, clique no campo de pesquisa e digite em size:gigantic; e depois clique em Enter.

Eles fornecem uma lista dos maiores arquivos em seu disco para que você possa se livrar deles facilmente.

-- -- -- -- -- -- -- -- -- --

Siga essas três etapas regularmente e você poderá manter o desempenho do seu PC liberando muito espaço.

A maneira mais fácil (sim, está baseada em nosso produto)

Se brincar com engrenagens e alavancas em seu PC não for seu negócio, uma ferramenta de otimização pode fazer tudo que dissemos acima para você. O AVG PC TuneUp é uma delas. Ele faz o trabalho pesado para que você tenha tempo para outras coisas. 

Compartilhe essa história:


Tópicos relacionados:


Gostou deste artigo? Tente esses:

Pular para o conteúdo Pular para o menu