Já faz quase dois anos desde que escrevemos nosso artigo sobre os 5 mitos de desempenho. Então é hora de escrever outro. Explorei alguns dos mais duvidosos websites de ajuste do Windows e verifiquei suas sugestões para melhoria de velocidade em nossas máquinas de teste.

Nº1 – Desativar programas de inicialização

Por mais de 20 anos, livros, revistas e websites têm espalhado essa dica de ajuste antiga: desative esses malditos aplicativos de inicialização! Com o advento do infame Windows 95, a pasta "Inicialização" foi introduzida e oferecia aos usuários e (principalmente) às empresas de software, uma maneira fácil de iniciar o software automaticamente, reduzindo assim o tempo de inicialização e melhorando o desempenho.

Então ... rufar dos tambores ... esse aviso que tem mais de 20 anos (e isso é antiguidade em termos de TI) faz sentido? Sim! Desativar itens de inicialização desnecessários é uma das maneiras mais eficazes de melhorar o tempo de inicialização. Alguns aplicativos de terceiros podem deixar as coisas bem lentas. Claro, isso depende do seu sistema. Mas, é sempre uma boa ideia passar pela lista de entradas de inicialização e se livrar de alguns programas que você raramente usa ou nunca usa. E, se a remoção de alguns aplicativos não melhorar o tempo de inicialização, ela poderá reduzir pop-ups irritantes que informam sobre ações que você nunca quis ou precisou saber.

Após o teste em quatro PCs, nosso veredito final: VERDADEIRO

Nº2 - Definir um IP estático para seu PC

Isso vem dos tempos em que receber um endereço IP do roteador resultava em um atraso perceptível no tempo de inicialização, durante o qual os usuários não conseguiam executar nenhuma tarefa. A solução era definir manualmente um IP estático (seja em seu PC, seja no roteador) para que não fosse designado um IP automático a você.

Em meus testes de inicialização, não vi absolutamente nenhuma melhoria ao usar um endereço de IP fixo com meu roteador em relação a obter um dinamicamente. Provavelmente, porque os sistemas operacionais, roteadores, adaptadores Wi-Fi/Ethernet e drivers melhoraram significativamente desde que essas dicas apareceram.

Veredito final: FALSO

Nº3 - Aumentar sua memória

Adicionar mais RAM supostamente tem um efeito positivo no tempo de inicialização. Parece lógico, mas é realmente verdade? Bom, parcialmente!

Se você tem menos que 4 GB de RAM, então sim. Isso pode ter um efeito no tempo de inicialização. Mas, assim que você passa de 4GBs, não há, literalmente, nenhum benefício. Aqui está a prova: Eu usei o Monitor de Desempenho do Windows para medir o tempo total de inicialização (desde quando o computador é ligado até que o último bit de informação fosse carregado) para o Windows 8.1. 
Depois, limitei a RAM em1 GB, 2 GB e 4 GB:

Até 4 GB, quanto mais memória disponível, menor era o tempo de inicialização. Mas com 8 GBs e 16 GBs, ela levou os mesmos 17 segundos para a exibição da área de trabalho no Windows 7/10 ou a Tela Iniciar no Windows 8.1, da configuração de 4 GB. Ao usar o Monitor de Desempenho, o procedimento inteiro de inicialização levou 135 segundos no total em cada um deles. 

Veredito final: FALSO acima de 4 GB

Nº4 - Atrasar os serviços do Windows

O Windows carrega uma quantidade significativa de serviços durante a inicialização. Desativá-los, supostamente, fornece um real aumento de velocidade, especialmente durante a inicialização. Por isso, há centenas de sites autoproclamados de "ajuste" por aí com listas de quais serviços podem ser desativados.

Qual é o negócio? Os serviços realmente deixam você lento? Bom, os serviços são partes do seu PC que tratam de funções como atualizações do Windows, detecção de dispositivos, ativação do Bluetooth, etc. Há apenas alguns serviços que podem ser desativados sem sacrificar funções cruciais. Muitos websites recomendam, em vez disso, atrasar os serviços do Windows usando o aplicativo "services.msc" e configurar o tipo de inicialização para "Automático (Atraso na Inicialização)" para que eles sejam carregados um pouco mais tarde.

Coloquei isso à prova. Tentei alterar 42 serviços de minhas máquinas de teste de "Automático" para "Automático (Atraso na Inicialização)" O Windows permitiu apenas 17 e por sorte não me permitiu atrasar a inicialização de alguns serviços essenciais ao sistema e de segurança, como Mecanismo de Filtragem Base, que é exigido pelo firewall do Windows.

Os resultados?

Nada! Esperava que as áreas de trabalho fossem exibidas alguns segundos mais rápido, já que o Windows não carregava todos os serviços na memória ao mesmo tempo, mas isso não aconteceu. Em vez disso, o Analisador de Desempenho do Windows mostrou que o tempo total de inicialização aumentou em quatro segundos em uma máquina de testes e dois segundos em outra.

O que aconteceu? O Windows era tão eficaz em executar tarefas simultâneas durante a inicialização que o atraso nos serviços não teve efeito positivo. De fato, isso aumentou o tempo total de inicialização.

Veredito final: FALSO

Esqueça os mitos, esta é a maneira mais fácil de melhorar a inicialização

Como sugerido pelos resultados acima, ignore a maioria dos "ajustes" que ouvir por aí. Em vez disso, confira nossos truques e dicas de desempenho, ou obtenha o AVG PC TuneUp (ele realmente funciona) para melhorar de verdade o desempenho.

Compartilhe essa história:


Tópicos relacionados:


Gostou deste artigo? Tente esses:

Pular para o conteúdo Pular para o menu