Se não tiver um plano de dados ilimitado 4G, atingir os limites de 500 MB, 1 GB, ou 5 GB não é difícil. Fiz um teste com algumas tarefas comuns que são feitas em trânsito para ver quanto tráfego era transmitido:

  • Transmissão de 60 minutos de música ao dirigir (alta qualidade, Spotify): 101,2 MB
  • 45 minutos de Netflix à noite (HD): 471 MB
  • 30 minutos de YouTube durante pausas de almoço (480p, qualidade média): 113 MB
  • 15 websites cheios de conteúdo durante o dia: 27 MB

Todas essas atividades que parecem triviais totalizaram 712 MB. Claro, Netflix não é algo que a maioria das pessoas assiste todos os dias através do serviço móvel. Mas não é incomum assistir a um show de TV no trem ou ônibus, de vez em quando. O mesmo se aplica a navegar na web ou ouvir o Spotify.

Por isso, atingir o limite de dados de 1 GB, 2 GB, ou 5 GB (dependendo do seu plano) é relativamente fácil se não estiver na Wi-Fi no trabalho ou em casa. Assim que isso acontece, seu provedor provavelmente colocará você de volta às velocidades da web em 1997 (na maioria das vezes 64kb/s ou uma taxa limitada extrema).

Estas são algumas ações que podem ser executadas para limitar seu tráfego móvel e compreender porque você atingiu esse limite.

Nº1 Escolha o plano certo!

Como o “cara tecnológico” entre amigos e familiares, recebo perguntas como qual plano eu devo escolher? o tempo todo. Geralmente, segue a pergunta, eu deveria comprar as opções ilimitadas mais caras de US$ 70? Ou 1 GB por US$ 19 ou 5 GB por US$ 39?

Bom, isso não é fácil de responder, pois depende de quanto você quer fazer online. Meu conselho é gastar meia hora usando uma ferramenta de estimativa de dados. Um exemplo é o estimador de plano de dados da Wirefly. Existem outros, mas esse faz um trabalho muito bom e é preciso.

Escolha seu plano dependendo da sua utilização mensal estimada, acrescente de 1 a 2 GB como reserva e você não precisará se preocupar.

Nº2 Limite sua utilização móvel e configure um aviso para você

Dispositivos Android têm um mecanismo integrado que permite desativar automaticamente os dados móveis ao atingir um certo limite. Ele também avisa quando você atingir um certo limite. Isso é fácil de configurar. Acesse Configurar, toque em Uso de Dados e mova os controles deslizantes para seu limite pessoal:

Toque o interruptor sob Limite de dados móveis.

Nº3 Identifique e interrompa os aplicativos que mais geram tráfego

Se você atinge o limite do seu plano com muita frequência, é importante verificar quais aplicativos são realmente os responsáveis por esse consumo desnecessário. Alguns podem ser óbvios e causados por sua utilização (p.ex., se você assiste Netflix a noite toda, eventualmente você atingirá o limite), outros, você pode nem saber a respeito.

Aqui entra em cena nosso AVG Cleaner para Android gratuito. Baixe-o e deixe que ele analise o comportamento dos seus aplicativos por alguns dias ou uma semana. A categoria APLICATIVOS mostra os principais aplicativos por utilização. Fiquei muito surpreso com quais aplicativos utilizaram o tráfego em apenas dois dias.

O que é estranho, é que nunca joguei Crossy Roads e certamente nunca baixei nada do TubeMate. Esses são casos em que é necessário abrir o aplicativo e tentar descobrir como interromper esse consumo secreto ou simplesmente excluir o aplicativo que você não precisa mais.

Nº4 Navegue offline

Google Maps é provavelmente minha ferramenta favorita para navegar quando estou na estrada. Infelizmente, no final do dia, não é surpresa ver que ele consumiu algumas centenas de megabytes, pois os dados do mapa podem ser bastante grandes (veja abaixo). Felizmente, o Google Maps permite armazenar os dados de mapa offline, o que não só é brilhante para reduzir tráfego de dados, como também em situações em que a navegação de dados está indisponível.

É assim que isso funciona. Inicie o Google Maps e toque nas três pequenas linhas no canto superior esquerdo:

Toque em Áreas offline, toque no botão MAIS e selecione a área que desejar ver offline. Isso inclui todos os pontos de interesse, todas as ruas, tudo.

Nº5 Evite download automático de fotos e MMS de serviços de mensagem

Usa WhatsApp ou outros aplicativos de mensagens instantâneas? Bom, se você for parecido comigo, provavelmente será arrastado automaticamente aos chats de grupo mais estranhos e será vítima de incontáveis GIFs animados, fotos e vídeos. Se estiver usando 3G ou 4G, desative-os para economizar alguma largura de banda.

De fato, recomendamos desativar o recurso de download automático mesmo ao usar Wi-Fi, como medida de segurança. Se estiver utilizando versões mais antigas do Android, que não foram corrigidas para a vulnerabilidade Stagefright, esse recurso de download automático poderá colocá-lo em perigo.

Mas, não se preocupe. Você não perderá nenhuma mensagem. Desativar essas configurações coloca você no comando para decidir o que ser baixado em seu dispositivo. Verifique as Configurações de qualquer aplicativo de mensagens para desativar o recurso de download automático. Se seu aplicativo de mensagens não tiver esse controle, pode ser hora de procurar por um novo.

Nº6 Use compressão em seu navegador

A maioria dos navegadores, como Chrome ou Opera, apresenta agora recursos de compressão. Os dados serão redirecionados através de servidores (p.ex., da Google) comprimidos e depois enviados a você. Você notará que, por exemplo, as fotos podem parecer mais distorcidas como JPGs, pois são comprimidas um pouco mais. Para ativar, abra seu navegador (Chrome, em nosso exemplo) e toque em Configurações. Acesse Economizador de dados e ative-o. O gráfico abaixo mostra uma única visita ao The Verge, que incluiu a navegação de algumas páginas, resultando em uma economiza de dados de 10%. Nada mal!

Há um lado escuro na compressão que você precisa conhecer: ela transfere seu histórico de navegação para o tal servidor que está fazendo a compressão e também desativa qualquer bloqueio de anúncios.

Compartilhe essa história:


Tópicos relacionados:


Gostou deste artigo? Tente esses:

Pular para o conteúdo Pular para o menu